Archive for Sexta-feira, 16 Junho 2006

Diário do Mundial XVI

Jogo 21 – Argentina 6 – 0 Sérbia
O jogo de abertura do "grupo da morte" serviu para pouco mais que matar e enterrar a Sérbia e Montenegro ainda mais que o referendo que deu a independência a Montenegro. Mais um caso de um jogo que ficou decidido com um golo antes dos 10 minutos, a lesão de Lucho podia ter dado a impressão que as coisas ainda se podiam complicar, mas quando Cambiasso (que entrou para o lugar de Lucho) marca o 2-0, a discussão sobre o vencedor acabou. Mas a história do jogo não, com Maxi Rodriguez a marcar o segundo a minutos do final da 1ª parte. A catástrofe confirmou-se já com Tevez e Messi em campo e Késma a ver o jogo na TV após expulsão, com Messi a partir a defesa e cruzar para Crespo marcar o 4º, depois Tevez a fazer o mesmo para o 5º, e porque o futebol é uma festa e toda a gente merece participar, Messi a fechar a contagem, num jogo que muda aos três e acaba aos seis.

Golos
6' Maxi Rodriguez 1-0 – Jogada de Saviola na esquerda, cruzamento raso ao segundo poste e Maxi começa o jogo da melhor forma.
31' Cambiasso 2-0 – Cambiasso tabela com Crespo que fuzila o guarda redes Sérbio (ou será Montenegrino?) para o segundo.
41' Maxi Rodriguez 3-0 – Krastajc brinca com a bola junto à bandeirola, perde para Saviola que entra na àrea e cruza para Maxi Rodriguez rematar contra o poste, com a bola a entrar depois de bater num defesa.
78' Crespo 4-0 – Messi entra na àrea, cruza raso para o segundo poste onde aparece Crespo a dizer que sim (® Gabriel Alves) e marcar mais um.
84' Tevez 5-0 – Jogada individual do jogador do Timão que após entrar na area remata raso colocado para a esquerda do bombo da festa do dia.
88' Messi 6-0 – Messi aparece na area lançado por Tevez e fecha a generosa contagem do desafio sem dificuldades. Até pareceu fácil, mas isso é porque foi.

Jogo 22 – Holanda 2 – 1 Costa do Marfim
Com a Argentina practicamente qualificada, tal como no grupo A uma vitória assegurava desde já a passagem a duas equipas, e a Holanda cumpriu o seu objectivo, derrotando os marfinenses pelo mesmo resultado que a Argentina, num jogo de caracteristicas semelhantes: adversário marca dois golos, jogadores da Costa do Marfim atiram-se para o chão, Costa do Marfim reduz, mas não faz mais que isso. A principal diferença é que aqui a situação durou 45 minutos, já que a segunda parte foi marcada pela Trapatonização progressiva da Holanda que acabou o jogo encostada às cordas.

Golos:
23' Van Persie 1-0 – Remate fortíssimo de livre directo
27' Van Nistelrooy 2-0 – Robben segura a bola, espera que Banistelrróide saia do fora de jogo, e a aproveitar-se de um santinho na defesa africana consegue aparecer em jogo e isolado, e marca o segundo da partida.
38' Bakari Kone 2-1 – Grande jogada individual do avançado que apanha a bola em posição frontal, vai a correr a flectir para a direita, e já dentro da àrea remata cruzado sem hipotese de defesa.

Jogo 23 – México 0 – 0 Angola
Num jogo de proporções miseráveis de onde se aproveitaram as defesas de João Ricardo, os Palancas Negras conseguiram o seu primeiro ponto numa fase final, facto ao qual não foi alheia a inoperancia do ataque Mexicano cuja velocidade de jogo se assemelha a uma tartaruga sob o efeito de cannabis e lesionada numa pata. Assim sendo, sem marcar um único golo, Angola pode ainda chegar aos oitavos de final caso derrote o Irão na última jornada, e Portugal derrote o México.

Golos
Talvez amanhã. Ou depois.

Golo do dia
Foi do México – Angola. Ahah. Ou não. Não teve piadas, mas aqueles são 90 minutos da minha vida que não vou voltar a ver. Agora a sério…

Grande jogada individual do avançado que apanha a bola em posição frontal, vai a correr a flectir para a direita, e já dentro da àrea remata cruzado sem hipotese de defesa.

FIFA não vai punir Kaviedes
Após a comemoração de ontem a FIFA, determinada a banir todas as celebrações num prazo de cinco anos, informou que não iria tomar acções disciplinares sobre Kaviedes, desde que a situação não se repita. O M.I.P. ainda acha ligeiramente desconfortável a ideia de meter alguma coisa na cabeça que esteve 20 minutos enfiada numas cuecas de desporto. Enquanto estão a ser usadas.

Jogos do dia
Jogo 24: Scolari Boys Club – Irão (14:00), (2-1)
Jogo 25: Rep. Checa – Gana (17:00), (2-0)
Jogo 26: Itália – EUA (20:00), (1-0)

 

Anúncios

Posted Sexta-feira, 16 Junho 2006 by Silva in Diários do Mundial

Diário do Mundial XV

Jogo 18 – Equador 3 – 0 Costa Rica
Após a vitória da Alemanha contra a Polónia, a terceira jornada poderia passar a ser apenas uma questão de quem ia ficar em 1º e não ia ficar em último caso o Equador ganhasse. A partida disputada à abrasadora temperatura de 15 graus, ficou practicamente destinada aos oito minutos com um golo de Tenorio, tendo o Equador controlado o desafio a partir daí sem que Costa Rica fizesse mais que mostrar a mediocridade demostrada no 1º jogo. Destaque para os golos de Delgado e Ivan "Cabides" Kaviedes que colocaram os Equatorianos a um empate do 1º lugar.

Golos:
8' Tenorio 1-0 – Valencia cruza na direita, e Tenorio marca de cabeça
54' Delgado 2-0 – Mendez passa para Delgado que remata cruzado sem hipoteses para o guarda redes Costa Riquenho.
92' Kaviedes 3-0 – Jogada rápida por Mendez pelo flanco direito e cruza para o segundo poste onde Kaviedes aparece com grande classe para encostar a bola na baliza. Destaque para a comemoração com uma máscara de luta livre. Ou qualquer coisa do género

Jogo 19 – Inglaterra 2 – 0 Trinidad & Tobago
Após uma exibição tristonha frente ao Paraguai mas que resultou numa vitória, a Inglaterra podia carimbar a passagem aos oitavos caso derrotasse uma das sensações da primeira ronda da fase de grupos. Após uma primeira parte onde foram os Caribenhos a ter as duas melhores hipoteses de golo, com duas saídas às cegas de Robinson, a segunda parte não trouxe nada de novo e foi preciso esperar pelos dez minutos finais para o Robo-Kop ganhar uma bola de cabeça ao centrais (não sem antes puxar as tranças dele), tendo Gerrard compensado por uma tarde de desacerto com um remate indefensável já nos descontos. Destaque para Toni "OrgasmoMan", que após passar uma parte inteira a dizer "Trinidad e Tobeigo" vai dizer "Pórt Bále" à primeira oportunidade.

Golos:
83' Crouch 1-0 – Cruzamento de Beckham, o Robo-Kop puxa as tranças do central de marcação e chega mais alto que todos para marcar o primeiro
91' Gerard 2-0 – Gerard domina em frente à area e remata pela clareira aberta na defesa para confirmar a vitória dos ingleses.

Jogo 20 – Suécia 1 – 0 Paraguai
Estava a ser tão bom que adormeci ao intervalo. Destaque para mais uma brilhante exibição da equipa nórdica na primeira parte.

Golos:
88' Ljundberg 1-0 – Cruzamento de Kallstrom, Allback desvia de cabeça para o 2º poste onde Ljundberg aparece para marcar o golo da vitória. Dizem.

Golo do Dia


Jogada rápida por Mendez pelo flanco direito e cruza para o segundo poste onde Kaviedes aparece com grande classe para encostar a bola na baliza. Destaque para a comemoração com uma máscara de luta livre. Ou qualquer coisa do género

Equipa dele parte II – Brown-nosing strikes back
Após Costinha ter deixado a impressão que beijar o real traseiro do Scolari era prática diária na selecção, Figo confirma mesmo isso ao dizer que "não serão dados 10 passos atrás… mas 20", um exagero, já que para tragédias em que há bandalheira nos estágios e resultados embaraçosos nem é preciso ir muito longe, e aliás, caso a saída de Scolari signifique um retrocesso de seis anos, a redacção aplaude.

 

Ronaldo enjoado
Ronaldo Gorducho explicou à imprensa que as "tonturas, enjoos e dores de cabeça" que sentiu após o jogo contra a Croácia não foram "nada parecido com o que senti no Mundial de 98", e que nos exames médicos "nada foi encontrado". O chefe de redacção do M.I.P. afirma que tambem já se sentiu assim, mas deixou de acontecer quando perdeu 20kg. Certamente uma coincidência, já que Ronaldo continua a afirmar que não está gordo.

Jogos do dia
Jogo 21: Argentina – Sérbia (14:00), (1-0)
Jogo 22:
Holanda – Costa do Marfim (17:00), (2-1)
Jogo 23:
México – Angola (20:00), (2-0)

Posted Sexta-feira, 16 Junho 2006 by Silva in Diários do Mundial