Deslizes musicais

Após ter recentemente confundido uma foto dos Keane com uma de uma banda qualquer com guitarras, além de ter demonstrado que conheço tanto deles como de física micro-nuclear, adicionei mais um à minha lista de enganos e equívocos célebres em conteúdo musicais:

  • Adolf Sumner (vá, não é que ele não tivesse pensado nisso)
  • Confundir Sígur Rós e Múm a cada oportunidade
  • Andrew Borland
  • Barbed Wired Kisses e Barb Wired Kisses
  • Trocar Meddle por Echoes e vice-versa
  • Jesus and The Mary Chain, The Jesus and The Mary Chain, The Mary and Jesus Chain
  • Confundir os The Chameleons (os tais que digo que são capazes de ser melhores que Joy Division) com os Chameleon
  • Gary Manifield
  • Ter dito que havia bandas do chamado”post-punk revival” que eram boas (afinal de contas, só os Interpol se safam)
  • Ter achado que os Happy Mondays não eram grande coisa da primeira vez que vi o 24 Hour Party People
  • Ter dito que o Peter “Captain” Hook era melhor vocalista que o Sumner (até ouvir as Peel Sessions)
  • Achar que os Pink Floyd eram só “os gajos do The Wall” até aos 22 anos
  • Trocar John Cage com John Cale e vice versa

Posted Terça-feira, 7 Agosto 2007 by Silva in Musica

%d bloggers like this: