Água “Formas Luso”

“É de mim, ou hoje está um calor do caraças?”. Pois. E quando o calor aperta, o corpo humano tende a fazer como uma esponja humedecida e começa a atirar o líquido todo cá para fora. E quando se tem a ideia peregrina de fazer aproximadamente 12kms a meio da tarde, mais tarde ou mais cedo é preciso fazer um reabastecimento.

Por isso, fui a um supermercado. Mais precisamente, o Pingo Doce de Cedofeita. Normalmente, água costuma ser a escolha natural, mas por motivos óbvios é raro o local que a mantém em locais devidamente refrigerados. Por isso, ontem decidi comprar uma coisa destas:

 formas_luso.jpg

Não para “perder peso” (não é que aqui o badocha não precise, mas só facto de ter feito qualquer coisa como 8 Kms antes de ter chegado ao supermercado tem certamente mais efeito), mas por ser, de facto, a única coisa que não estava morna ao toque. Quanto ao produto em sim, É água com um ligeiro toque de limão. Mas se o limão fosse o tio da água, esta um dia iria dizer ao papá hidrogénio e à mamã oxigénio que lhe tocou nas “partes especiais”. Ou seja, é uma valente miséria que devia estar isolada do resto da sociedade. O facto interessante é que isto diz que combate a obesidade, ao reduzir o apetite:

 luso_fibras.png

ou seja, qualquer coisa como “fibras que se colam ao interior do intestino”, da forma que entendo,  funciona como a mistura pouco sagrada de água com pastilha elástica. O sabor, esse, corresponde a detergente para pratos misturado com água, e as bolhas suspeitas que forma quando é agitado parecem confirmar a suspeira.A diferença é que engolir isto, alegadamente faz bem, e segundo o rótulo…

luso_comprovado.png

1 litro por dia dá resultados garantidos. A verdade, é que acredito piamente nisso. Não pelas fibras que se colam ao intestino, mas sim por outro motivo:

luso_pingo.jpg

Vamos fazer as contas. por euro e meio por dia podem reduzir o apetite. Ao fim de um mês, pagaram quase 50 euros para isso. Já perderam a vontade de comer? Ou de beber? Óptimo, podem enviar a mesma quantia aos meus serviços. Mas mais interessante que isso é a quantidade de avisos que colocam na garrafa:

 luso_avisos1.jpg

luso_avisos2.jpg

Isto para água. Vamos esperar que a Água de Luso nunca faça medicamentos, senão temos uma coisa como a secção de créditos dos albums dos The Avalanches:

(assim que o Mr. C0rp0rat3 Wh0r3 o decidir digitalizar) 

Posted Sexta-feira, 7 Setembro 2007 by Silva in Bandalheira

%d bloggers like this: