Archive for the ‘The Libertines’ Tag

TOP DA DÉCADA: 49 – 25

E agora sim, começam a aparecer os álbuns verdadeiramente interessantes:

Leia o resto deste artigo »

Anúncios

TOP DA DÉCADA: 150 – 50

Depois de apresentar os melhores de 2009, chegamos agora à altura de apresentar os melhores da década. Estes estão por ordem alfabética, e de novo, não estão por qualquer ordem de preferência.

Assim, aqui estão os álbuns eles:

Leia o resto deste artigo »

Megapost compras JAN-MAR

comprasPor motivos ligados a falta de tempo, esta secção ficou esquecida pr quase um trimestre (após ter acontecido o mesmo no final do ano passado, mas por outros motivos), e apesar de desafiar a sorte e estar aqui a descrever as compras de Março ainda com quase 10 dias de mês a faltar. O que pela lógica das coisas, quer dizer que às tantas ainda chego aos 35. Ou talvez não, que a próxima compra é o Watchmen em toda a sua glória papeleira.

Leia o resto deste artigo »

Música para Gente com Falta de Tempo, vol. 3

E conforme prometido, aqui ficam as últimas músicas (por enquanto).  A parte final desta trilogia tem nomes de peso, incluindo o que serão os “reis” do formato, os Buzzcocks, bem como outros nomes tão diversos como os Joy Division, Crystal Castles, Suede, Radiohead, Happy Mondays, Velvet Underground ou os Yo La Tengo. Esta entrega inclui…

Ash – Kung Fu
Boards of Canada (alegadamente)- Fly in the Pool
Buzzcocks – Oh Shit
Crystal Castles – Love and Caring
Death From Above 1979 – Dead Womb
Durutti Column – Sketch for Winter
Everything But The Girl – Disenchanted
Happy Mondays – Do It Better
Joy Division – Interzone
Morrissey – Billy Budd
No Age – Brain Burner
Quit Your Dayjob – Freaks Are Out
Radiohead – How do You
Suede – Crack In The Union Jack
The Bristols – Little Baby
The Libertines – Campaign of Hate
The Parallelograms – Orchard Square
Vashti Bunyan – Train Song
Velvet Underground – I’ll Be Your Mirror
Walter Carlos – Title Music from A Clockwork Orange
Yo La Tengo – The Whole of the Law

Daqui a uns dias vou experimentar colocar uma votação a ver se o povo quer mais. É que deve haver aqui material para mais uma ou duas entregas. Podem ver a lista de mixtapes aqui, ou então, clicar aqui.

Can’t Stand Me Now


Can’t Stand Me Now – The Libertines (The Libertines, 2004)

Afinal de contas, ainda havia algum talento no Pete Doherty antes de se ter rendido ao açúcar Colombiano e ao caramelo Afegão. Na mesma onda de bandas Britânicas com vocalistas e guitarristas com relações… “interessantes” (Morrissey-Marr, Brown-Squire, Anderson -Butler, Gallagher-Gallagher, etc) apareceram na ressaca da explosão do indie nos anos 90 estes Libertines, muito apoiados na relação e química entre o Pete Doherty e o Carl Barât, como é possível ver no que é o sinal de uma banda prestes a desintegrar-se.

Podem não ser os génios que o NME dizia, ou serem melhores que os Strokes, mas de facto, até de vez em quando tinham umas músicas jeitosas. E abriram o caminho para bandas como os Franz Ferdinand ou os Arctic Monkeys.

Ó Pete, larga isso que só te faz mal.

Posted Sábado, 10 Novembro 2007 by Silva in Videoclip

Tagged with